Coaching e mentoring: afinal, qual é o mais indicado e como escolher?

coaching e mentoring
6 minutos para ler
E-book desenvolver líderesPowered by Rock Convert

A trajetória de carreira nem sempre é clara para os profissionais e, mesmo que os objetivos sejam bem definidos, é comum encontrar barreiras, dúvidas e dificuldades ao longo do caminho. Os processos de coaching e mentoring são indicados para ajudar no desenvolvimento profissional, desenvolver habilidades e boas práticas para alcançar o sucesso.

Mas você entende o propósito e as formas de aplicação de cada uma dessas técnicas? Ambas são eficientes para ajudar as pessoas a aprimorarem seus talentos e alcançar seus objetivos. A dinâmica e propósito delas, porém, são distintas e indicadas em diferentes situações.

Quer entender como cada processo funciona e quando é indicado? Continue com a gente!

Como funciona o processo de coaching?

O processo de coaching parte do princípio de que a pessoa tenha o conhecimento que lhe permitirá alcançar seus objetivos profissionais. A ação do coach a guiará ao longo do processo, ajudando-a a tomar consciência de todos os fatores que influenciam em seu comportamento ou habilidade — seus pontos fortes e fracos — e o impedem de realizar seus sonhos.

Por meio de sessões individuais, cuja duração varia de acordo com o consenso e que podem ser presenciais, por telefone ou por videoconferência, o treinador (coach) ajudará o aluno (coachee) em seu processo.

Durante essas sessões, os tópicos de interesse do coachee são desenvolvidos com o objetivo de melhorar seus comportamentos e práticas. O desempenho e o alcance do objetivo final, declarado anteriormente, também devem ser avaliados.

A duração de um processo de coaching é acordada entre o coach e o coachee ― geralmente até que o segundo desenvolva a habilidade desejada ou alcance o nível desejado. É importante que os dois estabeleçam e aprovem uma agenda previamente.

O Coaching é indicado em diversas situações, seja para alcance de objetivos pessoais, desenvolvimento de habilidades profissionais ou plano de carreira, entre outros fins. As organizações têm percebido como o processo impacta positivamente no desempenho dos colaboradores e investido cada vez mais nessa solução.

Como funciona o processo de Mentoring?

O mentoring é um processo de desenvolvimento pessoal em que uma pessoa mais experiente conduz outra, com menor experiência, a adquirir conhecimentos e habilidades em uma determinada atividade. A pessoa que recebe a orientação é tradicionalmente chamada de discípulo ou aprendiz, enquanto o professor ou mestre, é o mentor.

O programa de mentoria é uma ferramenta importante dentro de uma organização, principalmente quando falamos em sucessão empresarial. Isso porque é um processo de transmissão informal de know-how ou habilidades de uma pessoa que detém maior nível de conhecimento dentro da empresa para outra que pode ser preparada para ocupar o seu lugar no futuro.

A experiência e sabedoria do mentor pode ser transmitida para o seu aprendiz por um período maior de tempo, até que este esteja pronto para assumir todas as suas funções ou até que essa mudança seja necessária.

O processo também funciona por meio de encontros entre mentor e mentorado, onde o conhecimento é transmitido e as dúvidas e dificuldades do aprendiz são, aos poucos, eliminadas pelo seu mestre. A periodicidade e duração das sessões, assim como o tempo total do processo podem ser definidos de acordo com cada situação.

Quais as diferenças entre o coaching e mentoring?

Um mentor é alguém que tem experiência e conhecimento em uma determinada área e é confiável para transmitir toda a sua habilidade para outra pessoa. Já o coach é alguém capaz de guiar outra pessoa, por meio de suas próprias habilidades, ajudando-a a seguir um foco específico para conquistar seus objetivos.

Um mentor não precisa necessariamente ter uma qualificação em um assunto específico, nem ser especialista em nada. O que conta são suas experiências e o conhecimento que ele adquiriu por meio delas. Ele é ideal quando se precisa de um especialista que possa ensinar um processo ou método.

Um coach, por outro lado, conduz a pessoa, passo a passo, por um processo específico. Ele atua na transformação comportamental necessária para que os objetivos sejam alcançados e precisa ter uma formação que o habilite a guiar esse processo. Sua função é ajudar a descobrir os caminhos para que a pessoa obtenha sucesso com as próprias habilidades.

Como Funciona o processo de coach da InDeep?

O programa de coaching da InDeep é voltado para o equilíbrio e autoconhecimento. Pois, nós entendemos que eles são chaves para o desenvolvimento pessoal e profissional. O acompanhamento de coaching identifica pontos positivos e a desenvolver em cada indivíduo, ajudando-o a perceber e trabalhar questões de forma clara e objetiva.

Veja o passo a passo do processo de coaching:

  • alinhamento das expectativas: apresentação do processo de coaching;
  • formação da imagem: levantamento da autopercepção e situação atual dos profissionais;
  • identificação dos desafios: quais são as dificuldades que deverão ser superadas;
  • concepção e planejamento: elaboração do plano de ação e fontes de feedback;
  • execução e acompanhamento: apoio e supervisão do processo de transformação;
  • avaliação e encerramento: análise do progresso do profissional em relação à sua situação inicial.

Todo o processo é realizado por profissionais altamente experientes e qualificados, focados em promover a transformação pessoal e organizacional por meio da identificação de oportunidades e mudanças de hábito. Acreditamos no poder da conexão real com as pessoas, para ajudá-las a descobrir e desenvolver todo o seu potencial.

Vale ressaltar que o coaching traz à tona o desenvolvimento de habilidades pessoais e profissionais. Portanto, deve ser um processo agradável para os envolvidos.

Uma boa sessão de coaching é aquela que dá ao coachee a certeza de que ele não é mais a mesma pessoa, conhecendo suas habilidades e seu potencial para alcançar tudo o que deseja, porque as respostas e soluções estão dentro de si.

Investir em um processo de coach para os colaboradores, além de ajudá-los a utilizar todo o seu potencial e crescer na carreira, também promove a motivação no ambiente de trabalho. Isso porque os colaboradores sentem que são parte importante da organização, que não poupa esforços para promover o crescimento deles.

Agora que você já entende as diferenças entre coaching e mentoring, que tal conhecer as melhores soluções em processos de coaching para seus colaboradores? Entre em contato conosco!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-
WhatsApp Fale conosco!