Employee Experience: por que é importante investir?

employee experience
4 minutos para ler
E-book desenvolver líderesPowered by Rock Convert

Sua empresa já investe em Employee Experience? A economia começa a mostrar índices positivos, o mercado de recrutamento está em movimento e a nova geração de profissionais tem mais expectativas em relação ao seu trabalho.

Nessa situação, não é difícil entender como um planejamento para melhorar a experiência de seus funcionários pode trazer uma vantagem competitiva para a empresa.

Neste artigo, discorreremos sobre o conceito de Employee Experience e qual a sua importância para engajar e reter colaboradores em meio à transformação digital. Vem com a gente?

O que é Employee Experience?

employee experience

Employee experience é a soma de todas as experiências de um funcionário por meio da sua conexão com a organização – todas as interações do colaborador, desde o primeiro contato como um candidato potencial, até o fim do vínculo de trabalho com a empresa.

Não é especificamente uma questão tecnológica. No entanto, cada componente de tecnologia disponibilizado para os colaboradores pode surtir efeito em relação a sua experiência no trabalho.

Os gestores de RH devem acompanhar de perto o desempenho e desenvolvimento dos colaboradores, a fim de conhecer suas necessidades e anseios e, assim, promover melhorias capazes de aumentar o nível de satisfação e a motivação do profissional.

Consequentemente, melhores resultados para a organização serão alcançados com mais eficiência.

Qual a relação do Employee Experience com os millenials?

Fornecer à nova geração de profissionais tecnologias que os ajudem a melhor aproveitar suas habilidades, ou investir em ferramentas que permitam a inovação nos ambientes de trabalho é uma forma eficiente de criar uma boa experiência.

Pesquisas mostram que, uma das razões da insatisfação dos profissionais geração Y e Z com relação à empresa, são as ferramentas tecnológicas obsoletas e métodos de trabalho arcaicos.

Embora, por um lado, haja uma atitude proativa e positiva por parte do mundo corporativo, ainda há muitas pessoas e empresas que veem a transformação digital como um problema ou que não conseguem entender o que realmente significa e como implementá-la adequadamente.

É preciso entender que as expectativas das novas gerações, como conexão, flexibilidade, mentalidade digital, feed-back, uso de aplicativos móveis, entre outras, não são mais exclusivas dos Millenials: elas já se espalharam para todas as gerações.

Porque investir em Employee Experience?

Criar uma ótima experiência para os funcionários é difícil e requer trabalho intenso e mudança. Não é uma disciplina de soluções rápidas.

No entanto, há evidências crescentes de que funcionários felizes contribuem para tornar os clientes felizes também. Veja, a seguir, as principais vantagens de investir na experiência dos seus colaboradores:

  • ajuda a otimizar o processo de onboarding;
  • beneficia a atração e retenção de talentos e reduz o turnover;
  • reduz o absenteísmo;
  • melhora o clima organizacional;
  • aumenta a produtividade dos colaboradores.

Como implantar o Employee Experience?

Para implementar uma boa estratégia de Employee Experience é necessário ter um conhecimento profundo do colaborador, a fim de proporcionar as soluções relevantes, como uma atmosfera de trabalho funcional e envolvente. É indispensável identificar os pontos negativos do local de trabalho para, dessa forma, criar estratégias mais acertadas.

Para alcançar esse objetivo a entrevista de desligamento é fundamental. Ela traz informações valiosas para, por exemplo, criar táticas para a redução do turnover. No entanto, é preciso que toda a trajetória do funcionário seja acompanhada, desde o recrutamento, para promover melhorias efetivas em sua experiência.

Também é fundamental garantir que toda a estrutura, metodologias, cultura, pessoas e todos os demais elementos da organização estejam alinhados com o objetivo de garantir uma experiência positiva para o colaborador.

O objetivo do Employee Experience é aperfeiçoar a jornada do colaborador na organização. Eles precisam se sentir motivados e conhecer suas oportunidades de crescimento. Assim, há um aumento da produtividade e as equipes se engajam com os propósitos organizacionais, contribuindo para os melhores resultados da empresa.

As mudanças organizacionais ocorrem em ritmo acelerado e os gestores precisam estar sempre alertas para adequações de processos, comportamentos e novas tecnologias, contribuindo para que o Employee Experience seja sempre positivo na sua organização.

Gostou do nosso texto? Aproveite e leia também sobre a importância do Employer branding nas organizações!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-
WhatsApp Fale conosco!