Já ouviu falar sobre Employer Branding? Entenda melhor o assunto

6 minutos para ler

Transformar a empresa em uma marca presente para clientes, fornecedores e colaboradores não é uma missão simples. Para que isso aconteça, é preciso ter consistência em seu posicionamento, começando pela sua reputação como empregador, seu Employer Branding.

De modo geral, esse conceito trata da capacidade da empresa despertar nas pessoas o desejo de fazer parte do seu grupo. Se você quer entender mais sobre o assunto e descobrir como levar essa abordagem para a sua empresa, fique conosco!

O que é Employer Branding?

Employer Branding

Trata-se de uma estratégia de fortalecimento da marca empregadora. A empresa precisa desenvolver uma imagem positiva não só para clientes, mas também para colaboradores. É preciso se dedicar a entender e aumentar a motivação e satisfação dos próprios funcionários, descobrindo como transformar a empresa em um bom local para trabalhar e, assim, se tornar um lugar procurado e desejado pelos profissionais.

De acordo com pesquisas recentes da rede social Linkedin, empresas com marcas empregadoras fortes têm uma taxa de rotatividade 28% menor do que aquelas com reputação fraca.

Para que ele é utilizado?

O Employer Branding ajuda a empresa a amadurecer em muitos aspectos. Essa estratégia é utilizada sobretudo para melhorar a captação e retenção de talentos. A partir daí, fica mais fácil treinar e desenvolver pessoas realmente interessadas em fazer a diferença, além de reter os colaboradores certos. Ela também colabora para ajustar e alinhar uma cultura organizacional que valorize e fortaleça seus times de trabalho.

Por que considerar a sua implantação?

Você já deve ter ouvido que aquilo que realmente diferencia sua empresa não é o que ela vende, mas o valor que ela entrega. Por isso, implementar o Employer Branding é uma forma de construir um time de defensores da marca, verdadeiros apaixonados pela empresa. Isso faz toda a diferença nos resultados do negócio.

Como preparar a sua empresa para construir uma marca corporativa forte?

Employer Branding

Uma empresa pode ser atrativa por inúmeros fatores, seja por pagar bons salários, ter um plano de carreira estimulante, proporcionar flexibilidade de horários ou outros. No entanto, para que uma marca seja realmente forte, é preciso escolher qual é a proposta de valor que a empresa oferecerá aos seus times.

Para isso, é interessante conhecer as motivações das pessoas que trabalham na equipe e ouvir delas o que pode ser mais atrativo. Entender o que as pessoas pensam sobre a empresa é uma boa forma de identificar suas maiores forças e aqueles aspectos que ainda precisam ser melhorados.

treinamento ser líder - treinamento de liderançaPowered by Rock Convert

Além disso, o relacionamento com o público externo também está entre os fatores que precisam ser observados para fortalecer a marca empregadora. É por meio disso que as políticas adotadas se tornarão visíveis para quem não está inserido no dia a dia do negócio. Desse modo, os potenciais talentos têm a oportunidade de conhecer e se identificar com a abordagem da marca, desejando fazer parte dela.

Sob esse aspecto, a transparência é algo fundamental. A empresa precisa ser clara e verdadeira com aquilo que espera dos seus times de trabalho, para atrair e captar os profissionais certos, evitando frustrações ao longo da relação de trabalho. Isso tudo exige maturidade estratégica, afinal, se trata de uma construção estrutural essencial para o sucesso do negócio.

No entanto, em alguns casos,muitas estratégias são implementadas e acabam sendo deixadas de lado com o passar do tempo. Para que isso não aconteça, o Employer Branding exige planejamento e o cumprimento de algumas etapas:

  1. desenhe uma estratégia: tenha claro onde a empresa quer chegar, como quer ser vista, as ações que levarão às mudanças, os recursos necessários, as pessoas envolvidas e os indicadores de resultados;
  2. encare a situação atual: faça o diagnóstico do momento em que a empresa está, ouça as pessoas, entenda o que precisa ser mudado, identifique os gargalos financeiros e aqueles não mensuráveis;
  3. defina o time: desenhe um perfil ideal de colaborador, alinhado a essa nova marca, especialmente suas características comportamentais, como entusiamo, ética, paixão, identificação com a marca etc.;
  4. torne a empresa atrativa: ofereça os benefícios desejáveis, supere as expectativas, agregue valor em troca daquilo que você espera que os profissionais cumpram em suas funções;
  5. estabeleça uma Proposta de Valor ao Empregado (EVP, na sigla em inglês): declare a singularidade dos colaboradores da sua empresa, manifeste o valor que eles têm e leve esse reconhecimento para o dia a dia de trabalho.

Quais são os benefícios trazidos pelo Employer Branding?

Separamos alguns dos principais benefícios gerados por essa estratégia para você conferir.

Aumenta a produtividade

Não basta reunir a equipe mais qualificada do mercado. Se ela não estiver satisfeita, trabalhará mal, entregará pouco e terá dificuldade em se comprometer. Profissionais apaixonados entregam o melhor de si.

Promove vantagem competitiva

Promotores apaixonados pela marca tornam a empresa imbatível no que diz repeito à sua capacidade de atração de bons candidatos. Equipes que se orgulham do local onde trabalham acabam propagando a percepção que têm da empresa para amigos e conhecidos.

Reduz custos no R&S

Uma estratégia forte de Employer Branding ajuda a reduzir os custos de contratação. Como a empresa tende a ser bem vista no mercado, ela não precisa dedicar tanto esforço para captar profissionais, já que eles é que vêm até o RH.

Qualifica a captação de talentos

Com pessoas interessadas em trabalhar na empresa, fica mais fácil contratar aquelas que realmente estão alinhadas à cultura e à missão do negócio.

Melhora as negociações

O uso de Employer Branding torna mais acessível negociar com clientes, fornecedores e até potenciais parceiros do negócio. O resultado? Vendas cada vez melhores!

Com tudo isso, fica fácil perceber a importância do Employer Branding para o negócio, não é mesmo? Que tal continuar aprendendo para melhorar ainda mais os resultados da empresa? Então, aproveite também para entender melhor o que é um plano de sucessão e para que serve!

E-book desenvolver líderesPowered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe uma resposta

For security, use of Google's reCAPTCHA service is required which is subject to the Google Privacy Policy and Terms of Use.

I agree to these terms.

-
WhatsApp Fale conosco!