Entenda a importância da gestão do conhecimento para a organização

4 minutos para ler
E-book desenvolver líderesPowered by Rock Convert

Você entende o que é a gestão do conhecimento? É o processo pelo qual uma organização facilita a transmissão de informações e conhecimentos aos seus colaboradores, de maneira sistemática e eficiente, a fim de promover a geração de valor e aumentar a competitividade da empresa.

É importante esclarecer que as informações e habilidades não precisam estar, exclusivamente, dentro da empresa, mas também podem ser trazidas de fora pelos profissionais que a integram.

A seguir, vamos entender quais são os benefícios e como implantar uma gestão eficaz do conhecimento, além de descobrir o papel da memória organizacional no seu sucesso. Vamos juntos?

Quais são os benefícios da gestão do conhecimento?

A gestão do conhecimento tem um papel importante no sucesso de uma organização, pois é a chave para que ela desenvolva suas potencialidades, gere valor e consiga inovar seus processos. Alguns benefícios bastante evidentes são:

  • gestão mais eficaz, graças ao conhecimento das melhores estratégias, técnicas e soluções;
  • mais eficiência e produtividade, com mais colaboração e o uso dos processos adequados, aumentando a competitividade da empresa;
  • aproveitamento do capital intelectual por meio do trabalho em equipe, trazendo inovação e busca de soluções criativas;
  • valorização do funcionário e maior obtenção de conhecimento de maneira sistemática;
  • aceleração da curva de produtividade de novos colaboradores por meio de treinamento e acesso aos dados, informações e conhecimentos de que precisam;
  • acesso rápido às informações, tornando a tomada de decisão mais inteligente.

Qual o papel da memória organizacional na gestão do conhecimento?

Podemos dizer que a memória organizacional é o conjunto de conhecimentos gerados ao longo da trajetória da organização. Ela é parte fundamental do conhecimento que deve ser transmitido para os presentes e futuros colaboradores da empresa.

Treinamento Ser Líder OnlinePowered by Rock Convert

O conteúdo da memória organizacional varia de documentos (relatórios, inventários, políticas, manuais de procedimentos, arquivos de computador) a conhecimentos não documentados (experiências, modos de pensar, atitudes, opiniões, anedotas). Juntas, essas memórias formam o patrimônio cultural da organização e devem ser compartilhadas entre seus membros.

Como implantar a gestão do conhecimento na sua organização?

Para facilitar o entendimento da implantação, vamos abordar algumas etapas importantes no processo. Veja:

  • realização do diagnóstico da organização, analisando os pontos fortes e as lacunas existentes em todos os níveis. Nesse momento, usa-se ferramentas como mapas do conhecimento , brainstorming, pesquisas de satisfação do cliente, experiências de projetos realizados etc.;
  • aquisição e desenvolvimento de conhecimento com métodos como o recrutamento de consultores especializados, a administração seletiva e cuidadosa dos clientes, a busca de talentos, alianças estratégicas, acordos de cooperação, engenharia reversa e programas para o desenvolvimento da criatividade e inovação;
  • criação de um espaço para compartilhar o conhecimento. As empresas podem usar ferramentas como internet, intranet, conferências na web, cursos on-line, bancos de dados, sessões de grupo, reuniões de departamento ou grupos de experiência, entre outros;
  • retenção do conhecimento pelo armazenamento e proteção das informações adquiridas, criando ativos que evitem a perda de dados e permitam a reutilização desse recurso intangível;
  • avaliação e monitoramento do processo, a fim de promover melhorias contínuas e evitar que o conhecimento se perca.

Em todo processo de gestão, um fator determinante para o sucesso é o uso de ferramentas adequadas, desde a implementação, acompanhamento e mensuração de resultados. É preciso investir em educação corporativa, inteligência competitiva e na utilização de tecnologias como os softwares de colaboração para promover o compartilhamento da memória organizacional e novos conhecimentos adquiridos.

Todo esse processo é importante para evitar que erros do passado se repitam e que novos conhecimentos e habilidades se desenvolvam, além de evitar que o conhecimento se perca, caso algum colaborador deixe a organização.

Gostou do nosso conteúdo sobre gestão do conhecimento? Temos muito mais para compartilhar com você. Assine a nossa newsletter!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-
WhatsApp Fale conosco!